Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > O PET - História apresenta: LIVE em data comemorativa ao Dia Municipal do Historiador (24 de setembro).
Início do conteúdo da página

Comissão do MEC realiza visita técnica para acompanhar a implantação do PRIL

  • Publicado: Quinta, 12 de Maio de 2022, 17h13
  • Última atualização em Quinta, 12 de Maio de 2022, 17h13

A diretora do Centro de Educação Aberta e a Distância (CEAD), Livia Nery, recebeu na manhã desta segunda-feira (9), comissão enviada pelo Ministério da Educação (MEC) que está acompanhando a implantação do Programa Institucional de Fomento e Indução da Inovação da Formação Inicial Continuada de Professores e Diretores Escolares (PRIL) na Universidade Federal do Piauí (UFPI).

O PRIL tem por finalidade estimular a oferta de cursos inovadores de licenciaturas e de formação continuada para professores. A equipe veio ao Piauí para promover a implantação do Projeto na UFPI.

01.jpg

O Reitor da UFPI Gildásio Guedes(no centro), A Diretora do CEAD, professora Lívia Nery(A esquerda), técnicos do MEC (centro) e Coordenadores dos Cursos PRIL.

A professora Lívia Nery destaca a importância da visita: “É um momento importante, porque a UFPI, ao receber os nossos colegas do MEC, tem a oportunidade de apresentar a tramitação interna, mostrar quais têm sido os trabalhos das equipes, tanto na parte dos alunos, representadas pelas coordenações dos cursos, quanto das coordenações dos núcleos, que são as sedes onde esses cursos estão sendo oferecidos dentro da nossa universidade”.

Os estudantes que integram o Programa já foram selecionados e atualmente participam de cursos de licenciaturas e de formação continuada, com atendimento às necessidades e à organização da atual política curricular da Educação Básica e da formação de professores e diretores escolares atuantes nessa etapa de ensino. As seleções ocorrem desde o início deste ano englobando os cursos de Química, Letras Português, Ciências da Natureza e Pedagogia.

 

02.jpg

Diretora do CEAD, professora Lívia Nery(A Direita), em reunião com Coordenadoras e  técnicos do MEC

 

Integrando a comissão, o professor Alexandre Anselmo Guilherme, coordenador-geral de Formação de Professores da Educação Básica, do Ministério da Educação (MEC), destaca que anualmente, durante a vigência do programa, serão realizadas pelo menos duas visitas do MEC para o acompanhamento do desenvolvimento do PRIL.

“Essa é uma visita de monitoramento. Queremos entender como está sendo a implementação, identificar possíveis problemas logo no começo para dar um redirecionamento e estabelecer essa parceria com a UFPI. Nós temos interesse no sucesso desta iniciativa. Posso dizer que tivemos uma ótima impressão durante essa visita. Pude perceber que está tudo muito bem organizado e muito bem direcionado. Então, estamos saindo muito felizes e satisfeitos com o que vimos”, disse.

Um dos objetivos do PRIL é a formação continuada de professores que visa atender a uma demanda de modernização nas formas de ensinar e de aprender. Na prática, os professores formados vão desenvolver habilidades para melhor atender os alunos e as suas necessidades. Ao todo, estão sendo oferecidas 960 vagas pela rede Nordeste, sendo que, deste total, 320 pertencem à UFPI. O programa também conta com a parceria do Centro de Ciências da Natureza – CCN e Centro de Ciências da Educação - CCE, no campus Ministro Petrônio Portela, sede da UFPI, em Teresina, e dos campus Amílcar Ferreira Sobral, na cidade de Floriano e Helvídio Nunes, em Picos, além do Instituto Federal (IFPI) do município de Pedro II.

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página